skip to Main Content
Menu

ASPR Em Dia nº 08 – janeiro/2017 – SOCIEDADE DA INTELIGÊNCIA

Dois textos que lemos nesta segunda semana de 2017 me motivaram a dar destaques aos mesmos, fazendo um link entre ambos.
O primeiro é de autoria do muito experiente J.R. Guzzo, na Revista Veja de 18/01, página 98, em artigo sob o título: INTELIGÊNCIA – o qual inicia trazendo a pergunta:
VOCÊ ACREDITA que estará no seu emprego em dezembro de 2017?   
Ressalte-se que a pergunta por ele colocada é global e não somente no Brasil.
Quando ele fala na “Sociedade da Inteligência”, escreve no artigo:
“O que vale, cada vez mais, é a tecnologia de vanguarda e as mudanças que vêm sendo impostas a todos pelo avanço quase diário do computador em tantas áreas do conhecimento humano – automação, robôs, genética, aprendizado automático, biotecnologia.”
E em resposta a pergunta do artigo e dentro do contexto proposto, escreve: “As condições não vão melhorar em 2017, nem depois”.
Nestes tempos de uso cada vez mais intenso de avançadas Tecnologias e de grave crise do emprego no Brasil, a leitura do artigo é mais do que oportuna. 
O que devemos fazer diante da realidade acima apresentada?
A resposta, se nos preocuparmos com isso, será dada, conforme o grau de relevância que dermos à pergunta do autor J. R. Guzzo.
E aqui cabem bem as dez dicas publicadas em:
São elas:
“Olá, leitores!
Diversos profissionais investem muito em formação, dedicam-se anos em uma empresa ou negócio, estão sempre atrás de um melhor posicionamento em sua carreira ou de um emprego e parece que, no fim, tudo foi em vão: as coisas simplesmente não acontecem.
Talvez você deva cogitar rever o modo com as pessoas lhe veem à primeira vista e o tipo de relacionamento que você tem com o mercado de trabalho, com as pessoas e com a sua própria carreira. Desta forma, a solução pode estar em alavancar o seu marketing pessoal. Veja estas 10 dicas e expanda seus resultados!
O que é marketing pessoal?
Quando uma empresa quer visibilidade do mercado, investe em aprimorar a sua marca e destacá-la entre a concorrência, oferecendo ao público uma boa experiência. O mesmo acontece com a vida profissional de uma pessoa: quem não é visto, não é lembrado. O tipo de experiência que você propõe, ou seja, o modo como se relaciona com as pessoas, faz toda a diferença. Trata-se de usar estratégias que valorizem o seu perfil profissional e a sua carreira, para que seja destacado por suas qualidades, habilidades e competências. Veja algumas dicas!
1) Invista em formação e capacitação
Formação e capacitação nunca é demais. Mas de nada serve um diploma se seus conhecimentos aprendidos não são aplicados na sua rotina profissional. É preciso saber fazer. Desta forma, invista sim, em uma boa educação na profissão que escolheu, mas valorize também a experiência e a busca de soluções por si só na rotina de trabalho. Aprenda a aplicar aquilo que você conquista em suas formações.
2) Dê atenção às pessoas
Quando conversar com as pessoas em seu ambiente profissional ou até mesmo fora dele, valorize o seu interlocutor. Aprenda a ouvir o que ele tem a dizer e saiba falar em um tom de voz médio e agradável. Olhe nos olhos, sem intimá-lo. Elogie sem forçar demais a situação. Sorria sempre que possível. Dê às pessoas um tipo de convivência que gostaria de receber.
3) Não tenha receio ou vergonha de falar sobre o seu trabalho e suas conquistas
Encontrando o tom certo em uma conversa, fale sobre as suas experiências e conquistas, evidenciando situações interessantes e possíveis saídas que encontrou para os seus desafios. Isso é muito importante quando perguntado em uma entrevista de emprego, por exemplo, ou ao estabelecer networking.
4) Tenha metas claras em sua mente
É importante saber onde você quer chegar. Tenha metas para a sua carreira, pois isso coloque tudo em perspectiva. É importante saber onde quer chegar e o que quer fazer para que isso aconteça. Faça um plano de ação em etapas, com desafios e conquistas semanais ou mensais para a sua carreira. Isso movimentará a sua vida profissional.
5) Seja uma pessoa otimista
As pessoas em geral não gostam de pessoas carrancudas ou demasiado introspectivas. Não tem problema ter a sua própria vida e querem um espaço reservado só seu. A sua vida não precisa ser um livro aberto. Mas tenha uma atitude positiva e otimista, pois isso encanta quem está ao seu redor.
6) Compreenda que você é o condutor da sua vida
Coloque-se no centro da sua vida neste momento. Isso pode até parecer óbvio, mas muitos, em momentos de crise ou desemprego, responsabilizam os outros pela sua posição profissional atual.
Em geral, grande parte do que acontece em sua vida deriva das suas escolhas. Não se culpe e nem responsabilize os outros. Foque na mudança positiva – veja que há sempre muitas opções para transformar a sua carreira e potencializar a visibilidade no mercado. Caso não veja muitas saídas e oportunidades, crie-as!
7) Crie um networking
Ter uma rede de contatos é essencial para qualquer tipo de profissional. Mantenha seus contatos atualizados – parceiros, colegas de trabalho de diferentes fases da sua carreira, mestres e instrutores, ex-empregadores, fornecedores, parentes e amigos, gerentes de banco, amigos de seus amigos, pessoas que conheceu esporadicamente, etc. Nunca se sabe quando poderá recorrer a alguém. Mas não se faça oportunista: tenha sempre vantagens a oferecer e se relacione da melhor forma possível.
8) Seja gentil
Provavelmente, em algum momento de sua vida, você já conheceu alguém que ficou na lembrança por ser muito gentil, com você ou com outras pessoas. A gentileza é algo muito nobre e positivo para o marketing pessoal. Seja gentil sem esperar nada em troca, que automaticamente as pessoas ao seu redor irão perceber algo diferente.
9) Separe a vida pessoal da profissional
Seus clientes nada têm a ver com seus problemas pessoais. Sua família não pode ser afetada pelos problemas profissionais. Saiba dividir as coisas para não afetar a sua imagem. Muitos profissionais criam uma “persona” pública: não se trata de uma máscara, mas um “eu” profissional, com características próprias e condizentes com a sua personalidade. Talvez esta estratégia possa ser interessante para o seu marketing pessoal.
10) Conheça bem a si mesmo
O autoconhecimento é algo que poderá lhe ajudar a tomar atitudes mais assertiva sobre a sua carreira, se relacionar melhor com as pessoas, encontrar seus propósitos de vida e suas metas, e conquistar uma vida profissional e pessoal mais plena e dinâmica. Tenha momentos de reflexão só seus e encontre as suas fortalezas e fraquezas. Estimule-as de modo positivo e elimine crenças que impeçam que você tenha uma carreira plena – sempre contínua e sempre crescente.
Até mais!”
É a Gestão da Carreira, dependendo muito de ações concretas e de atitudes, de cada um de nós.
ASPR – Auditoria – Consultoria e Contabilidade
Sua Companhia de Gestão


Site antigo Wix

This Post Has One Comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top