skip to Main Content
Menu

Gestão Em Dia nº 10 – abril/2019 – ORGANIZAÇÕES EXPONENCIAIS

Mais uma vez me valho de um bom livro,  para nos ajudar a  entender pouco melhor as profundas transformações pelas quais as Organizações estão passando e devem ainda passar muito mais fortemente, devido as mudanças tecnológicas sem tréguas,  em especial as oriundas das tecnologias exponenciais. 

O livro em referência: Organizações Exponenciais – Por que elas são 10 vezes melhores, mais rápidas e mais baratas que a sua (e o que fazer a respeito), da Alta Books, 2.019, 1. edição, trás o claro conceito do que é ser uma Organização Exponencial; conceito abaixo.

O livro nos dá exemplos  de grandes empresas “normais”, tradicionais, tidas como lineares, de como elas ficaram e/ou gradualmente estão ficando para trás, “esmagadas” por novas e revolucionárias Organizações e algumas delas valendo bilhões de dólares, com pouco tempo de atividade/mercado.

Conforme o livro e seus autores:                           

Uma Organização Exponencial é aquela cujo impacto ou resultado, é desproporcionalmente grande – pelo menos dez vezes maior – comparado aos de seus pares, devido ao uso de novas técnicas organizações que alavancam as tecnologias aceleradas.

O livro trás na página 50 pesquisa feita pelos autores, junto às 100 startups que mais cresceram em todo mundo, nos últimos anos.  Os autores identificaram traços comuns presentes nas Organizações Exponenciais. Estes traços incluem um Propósito Transformador Massivo – PTM, complementando que há dez outros atributos que refletem os mecanismos internos e externos, que são alavancados para alcançar o crescimento exponencial.     

Os autores se valem da metáfora – o cérebro humano, para elencar os referidos dez atributos.

Atributos Externos:

Lado Direito do Cérebro Humano, para a Criatividade, Crescimento e Incerteza, destacando e explicando: Staff sob demanda, Comunidade e Multidão, Algoritmos, Ativos Alavancados e Engajamento.

Atributos Internos:

Lado Esquerdo do Cérebro Humano, para a Ordem, Controle e Estabilidade, destacando e explicando: Interfaces, Dashboards, Experimentação, Autonomia e Sociais.

Na essência, conforme os autores,  o PTM da Organização significa pensar GRANDE e ter como objetivo fundamental a transformação radical.

O Livro elenca as Declarações de Propósito de algumas Organizações Exponenciais:

  • TED – Ideias que merecem ser espalhadas
  • GOOGLE – Organizar a informação do mundo
  • X Prize Foundation – Promover avanços radicais para o benefício da humanidade
  • QUIRKY – Tornar a invenção acessível
  • Singularity University – Impactar positivamente um bilhão de pessoas

Peter Diamandis, fundador da Singulatiry University, fala na capa e contracapa do Livro, que há o que ele chama de conceito dos 6 Ds:

  • Digitalizado
  • Disfarçado
  • Disruptivo
  • Desmaterializar
  • Desmonetizar, e;
  • Democratizar.

Segundo ele, as Organizações tradicionais, incluindo as do primeiro, segundo e do terceiro setores, não acompanharão o ritmo definido por estes 6 Ds.

Peter complementa:

Se você acha que o ritmo da inovação foi rápido nos últimos anos, gostaria de ser um dos primeiros a lhe dizer: Você ainda não viu nada.”

O livro Organizações Exponenciais,  é para mim mais do que recomendável, é mesmo indispensável à todos os profissionais/empreendedores/gestores que queiram minimamente se manterem alinhados com os poderosos recursos da tecnologia da informação, em especial as de caráter exponencial.   

Lembro-me do recente e ótimo artigo da Presidente Márcia Ruiz Alcazar, do CRC/SP, com o título: A mercantilização de serviços contábeis coloca em risco toda sociedade.

Saiba mais:

http://www.aspr.com.br/gestao-em-dia-no-09-marco2019-mercantilizacao-de-servicos-contabeis-coloca-em-risco-toda-sociedade/

Por que destaquei o artigo acima? Para deixar a pergunta abaixo, nada fácil,  aos valorosos Profissionais de Contabilidade, do nosso querido Brasil.

Pode uma Organização Contábil ser uma Organização Exponencial?   O desafio está lançado!

Adoraria debater a questão acima, com colegas da profissão contábil.

Ary Silveira Bueno
Diretor da ASPR – Sua Companhia de Gestão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top