skip to Main Content
Menu

Gestão Em Dia nº 21 – novembro/2018 – EFICAZ COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL: BIG DESAFIO!

Na ASPR, 26 anos, temos estudado e praticado os necessários esforços, para uma boa e indispensável Gestão Corporativa dos nossos clientes.

Trabalhar no e com o Foco do nosso Cliente, tem sido o nosso desafio. Isso nos move e motiva. A Solução para se alcançar bons resultados, é ter a mais alta sintonia e sinergia praticada com o Cliente; sem tréguas.

Para isso a ASPR tem se valido, das melhores práticas e uso do Compliance tributário – SPED, da aproximação da Contabilidade Financeira com a Gerencial, das Soluções Sistêmicas Integradas, das Soluções de Business Intelligence – BI, da Governança Corporativa e tantas outras.

Saiba mais:

http://www.aspr.com.br/aspr-em-dia-no-07-janeiro2017-contabilidade-gerencial-requisito-para-boa-gestao-corporativa/ 

É de se ressaltar que, quanto mais as muitas e grandes mudanças vão impactando o meio corporativo, mais concluímos que as empresas dependem da ótima Gestão de seus Profissionais.

E não é possível, tratarmos de Gestão de Profissionais, sem falarmos em boa Comunicação, Liderança e Empreendedorismo do Profissional da empresa. É Indispensável!

Para tanto, lemos dois importantes trabalhos científicos, de 2.006 e ainda muito atual e outro de 2.017, bem recente.

O primeiro o qual recomendamos a leitura é de Onésimo de Oliveira Cardoso.

Na Conclusão, o autor  Onésimo traz:

“Num ambiente de incertezas e complexidade, é necessário compreender a estratégia organizacional não mais como um exercício de previsão conduzido por um grupo limitado de experts, mas sim como um processo de emergência estratégica envolvendo toda a coletividade, em cujo centro está a Comunicação”.

Saiba mais: http://www.scielo.br/pdf/rap/v40n6/10.pdf

Em outro trabalho muito bom, de Portugal, de 2.017, a autora Rita Monteiro Moura – ISCTE-IUL, trata do tema:

A Comunicação e a Cultura como Elementos fundamentais da Dinâmica Organizacional: Qual o Papel da Cultura Organizacional na Comunicação adotada pelos Líderes?

Saiba mais: http://www.labcom-ifp.ubi.pt/book/301

No Resumo inicial ela traz:

“A comunicação constitui-se como fundamental à compreensão do funcionamento organizacional. Por sua vez, o tipo de comunicação adotada pelos membros da organização poderá depender da partilha dos seus valores, normas e padrões comportamentais. Nesse âmbito, a cultura organizacional apresenta-se como crucial para explicar a comunicação organizacional (Gomes, 2000) e, especificamente, para determinar o tipo de comunicação assumida pelos líderes (Schein, 2010). O presente ensaio procura perceber de que forma a cultura organizacional poderá influenciar a comunicação da liderança. E, consequentemente, quais poderão ser as consequências desse tipo de comunicação para os colaboradores. Concluiu-se que, de facto, poderá existir uma relação entre a cultu ra organizacional e a comunicação dos líderes, verificando-se uma necessidade constante de adaptar o estilo de liderança à cultura da organização, para que a comunicação possa constituir-se como mais eficaz.”

Na Introdução, ela menciona:

“A cultura de um País poderá assumir um papel relevante para a comunicação que se estabelece entre os indivíduos. Por sua vez, este tipo de cultura pode influenciar a cultura organizacional e, consequentemente, o tipo de comunicação adotada pelos líderes”.

Fácil e rapidamente associamos aqui, o resultado como um todo das eleições de 2.018 no Brasil e o que teremos a partir de janeiro de 2.019.

Rita Moura trás em,  A Comunicação enquanto Conceito:

“Alguns autores têm vindo a defender a ideia de que a comunicação trata-se de um dos processos centrais da atividade humana (Almeida et al., 2013; Duck & McMahan, 2012). Sabe-se que os indivíduos passam mais de 70% do seu tempo a comunicar, uma vez que todas as suas ações envolvem comportamentos de comunicação (Almeida et al., 2013). Nesse âmbito, o processo comunicativo tende a ser encarado como uma condição sine qua non da existência dos indivíduos, na medida em que envolve a formação, o reforço e a modificação das relações interpessoais (Duck & McMahan, 2012). O ato de comunicar será, então, responsável pelo desenvolvimento dos sujeitos e da sociedade, através da partilha de ideias/informações e sentimentos (Mangorrinha, 2012).”

CONCLUSÃO

A boa Comunicação e Liderança e alto espírito Empreendedor de todos os Profissionais de qualquer Organização, devem ser praticados em elevado nível, sob pena de não se ter o Negócio sustentável e muito menos perene.

Em resumo, não há como sem os três fatores: Comunicação eficaz; Liderança em linha com a cultura organizacional e ações Empreendedora e Engajada dos Profissionais da empresa, se alcançar os resultados planejados e a tão necessária e possível sustentabilidade.

Em tempo, a moderna e longeva ciência contábil (6 mil anos), é ferramenta poderosa de Gestão. Conte com a ASPR.

Ary Silveira Bueno
ASPR – Sua Companhia de Gestão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top